O mercado de Tecnologia da Informação (TI) cresce a passos largos no Brasil – de 20% a 30% por ano. Isso porque muitas empresas estão modernizando sua comunicação interna e suas bases de processamento de dados, além de necessitarem de novas soluções de softwares e aplicativos para gerenciar suas empresas. E é aí que entram os formados no curso de Sistemas de Informação.

Este profissional está muito valorizado no mercado e costuma ter um salário inicial já bastante considerável. Ele é responsável pelo desenvolvimento de softwares, aplicativos e games, avaliação da qualidade do software desenvolvido, modelagem de processos até a segurança de sistemas e infraestruturas de informação e de informação e a concepção e manutenção de redes de computadores.

Em geral, todas as empresas buscam profissionais da área de Sistemas de Informação – desde startups, até grandes empresas. Essa procura, inclusive acontece porque o acesso à informações em rede deixou de ser uma exclusividade do local de trabalho podendo ser acessada também em casa e em diversos dispositivos. Por isso as empresas tiveram e têm de se adaptar para estar visível em todos eles.

Como é o curso de Sistemas de Informação?

Para fazer o curso de Sistemas de Informação e se tornar bacharel em Sistemas de Informação, é necessário uma afinidade grande por lógica e tecnologia, uma vez que boa parte dos sistemas são criados com algoritmos e para se criar novos sistemas de informação é necessário conhecer e se manter atualizado sobre o que está disponível no mercado.

Principais disciplinas do curso de Sistemas de Informação

Administração de Redes; Algoritmos; Aplicação de Banco de Dados; Arquitetura de Computadores; Automação dos Processos de Negócio; Sistemas Operacionais; Programação de Jogos para Dispositivos Móveis; Segurança de Redes; Técnicas de Inteligência Artificial, sistemas de apoio a decisão, administração de redes de computadores, segurança da informação, governança em tecnologia da informação, qualidade de software, interface humano computador e programação de jogos para dispositivos móveis, entre outras.