Especializar-se com um curso de Segurança da Informação EaD pode ser o caminho para se destacar no mercado de trabalho!

Os ataques cibernéticos estão em evidência. Prova disso é que, constantemente, surgem notícias de empresas que tiveram seus bancos de dados invadidos por criminosos.

Para você ter noção, 2017 foi considerado o ano dos ciberataques pela mídia brasileira. Nesse período, o Brasil contabilizou, sozinho, 22 bilhões de dólares em prejuízos com crimes virtuais. O número alarmante consta no estudo Norton Cyber Security Report, que avaliou os impactos dos ataques cibernéticos no mundo.

Não é por falta de motivos que as empresas se preocupam mais com a segurança de seus dados. Afinal, é melhor atuar na prevenção do que pagar o preço de lidar com falhas de segurança após um ataque.

Nesse contexto, destacam-se profissionais capazes de atuar na proteção de dados de forma eficaz. Os especialistas no assunto, aliás, são os mais valorizados. Por isso, uma pós-graduação em Segurança da Informação EaD faz toda a diferença para quem pretende trabalhar nesse setor.

Por que fazer uma pós em Segurança da Informação EaD?

Muitos profissionais acreditam que têm conhecimentos suficientes no setor de Tecnologia da Informação. Por isso, dispensam a pós-graduação com o argumento de que não precisam de mais um curso.

Na área de Segurança da Informação, no entanto, a convicção do profissional não basta. Como ele cuida de um setor delicado da empresa, sua credibilidade vem de formação e certificações. Por isso, fazer uma pós-graduação é muito importante.

No caso da especialização em Segurança da Informação EaD, o profissional conta com vários diferenciais ao concluir o curso:

Liderança

A especialização em segurança no setor de Tecnologia da Informação tem foco em gestão. Isso significa que o profissional sai preparado para assumir posições de liderança. É por isso que estuda assuntos como governança e gestão de segurança, gestão de risco e gerenciamento de serviços.

Credibilidade

A pós-graduação em Segurança da Informação EaD confere ao formado o grau de especialista na área. Dessa forma, seu nível de credibilidade aumenta diante de outros profissionais, clientes e chefes. Com isso, as oportunidades de crescimento na carreira também crescem.

Reconhecimento

Em um dos módulos do curso, o aluno conhece o modelo Project Management Professionals (PMP). Trata-se de um reconhecimento internacional muito exigido no mercado de trabalho. Na pós em Segurança da Informação EaD, o estudante se prepara para fazer a prova e obter essa certificação.

Onde trabalha um especialista em Segurança da Informação?

O profissional pós-graduado no curso de Segurança da Informação EaD está diante de uma série de opções. Suas alternativas vão desde trabalhar para empresas até abrir seu próprio negócio.

No caso daqueles que optam por fazer carreira em empresas, as opções variam. Eles podem, por exemplo, ocupar o cargo de gestor de segurança no setor de Tecnologia da Informação de uma organização. Também podem trabalhar em companhias especializadas na proteção de dados.

Já os que optam por seguir carreira como autônomos podem trabalhar com auditoria ou consultoria de segurança de Tecnologia da Informação. Esses profissionais são contratados por empresas para analisar a eficácia e o cumprimento de procedimentos e protocolos de segurança.

Há ainda a oportunidade de trabalhar no setor público. Afinal, assim como empresas, órgãos governamentais também lidam com um grande número de informações que devem ser protegidas.

Nesse caso, o profissional deve passar por concursos públicos. A pós-graduação faz toda diferença, não só pelo preparo que confere ao candidato, mas também pelo valor do diploma. Mesmo quando não é exigida, uma especialização pode ser o diferencial em uma prova de títulos, por exemplo.

O curso de Segurança da Informação EaD

O curso de Gestão de Segurança da Informação EaD da Unisul prepara especialistas para lidar com proteção de dados. A pós-graduação é direcionada a profissionais graduados que desejam atuar como gestores, administradores ou diretores de segurança de Tecnologia da Informação.

Por um valor acessível, o curso pode ser concluído em menos de dois anos. Além disso, a modalidade EaD oferece flexibilidade para que o profissional consiga conciliar carreira e estudos, sem sufoco.

O curso conta ainda com material didático especial, que dá autonomia ao aluno e proporciona a aprendizagem.

Gostou do post? Se ficou curioso para saber mais detalhes sobre o curso, acesse o site da pós EaD em Gestão de Segurança da Informação!