O curso de especialização em Crimes Cibernéticos prepara profissionais para lidar com a segurança da informação. Saiba mais!

As notícias sobre governos e empresas que foram vítimas de crimes cibernéticos não param. A cada dia cresce o número de ataques virtuais em suas diversas formas. Não à toa, a demanda por pessoas que lidam diretamente com eles também aumentou. O curso de especialização em Crimes Cibernéticos é o mais indicado para preparar tais profissionais para lidar com essas violações.

Conteúdos estudados no curso de especialização em Crimes Cibernéticos

Segurança da Informação

Integridade, confidencialidade, disponibilidade e autenticidade. Esses conceitos estão diretamente ligados à segurança da informação e são os pilares de uma das certificações de um curso de especialização em Forense Computacional.

Os conhecimentos atrelados a esse campo dão base ao profissional para entender como os crimes cibernéticos podem ocorrer e como a forense computacional se desenvolve.

Em outras palavras, ele aprenderá os principais fundamentos da área, que são:

  • Segurança da Informação: aborda conceitos básicos, tendências, controle de acesso e seus mecanismos, criptografia, algoritmos e protocolos criptográficos.

  • Mecanismos de defesa e ataque: tecnologias, técnicas e ferramentas disponíveis para a defesa, que envolve política de segurança, sistemas de detecção de intrusão, proxy e PKI, firewall e segurança em transações eletrônicas. O profissional também aprende sobre as principais formas de ataque, como scan, DDoS, ataques direcionados, Cavalos de Tróia, sniffers, Backdoors e engenharia social, além de entender o CSIRT – Computer Security Incident Response Teams.

  • Estratégias de avaliação: envolve conceitos sobre gerenciamento de segurança da informação, auditoria, gestão de continuidade de negócios e análise de riscos.

Direito Virtual

Em um curso de especialização em Crimes Cibernéticos, o profissional também deve se habilitar em Direito Penal Cibernético para desenvolver as técnicas do campo do Direito aplicadas a crimes cibernéticos.

É importante destacar que os ataques virtuais, em muitos casos, trazem novos elementos, já que os crimes se tornam cada vez mais diversificados com a qualificação e a habilitação dos criminosos.  Por isso, o profissional deve se preparar para lidar com novidades.

Para tanto, é necessário aprender sobre:

  • Aspectos de Direito Penal: compreensão sobre a base do Direito Penal brasileiro, bem como sobre seus princípios. Além disso, aborda-se crimes de informática e na internet, legislação esparsa, doutrina e jurisprudência sobre o tema, bem como as tendências legislativas para os crimes cibernéticos.

  • Direito Penal Cibernético: estudo de crimes eletrônicos e legislação específica sobre o tema. Abrange também o desenvolvimento das tecnologias da informação e os novos riscos da área.

  • Aspectos legais de computação forense: estudo sobre a produção de provas, os tipos, as evidências e a coleta de dados em ambiente cibernético. Análise, elaboração de laudos periciais e investigação.

Forense Computacional

O estudo de Forense Computacional no curso de especialização é a capacitação do profissional em desenvolver estratégias sobre o tema utilizando as ferramentas do mercado.

A partir do conhecimento adquirido em Segurança da Informação e Direito Virtual, é possível priorizar e aplicar, da melhor forma, as ações de forense.

Isso inclui o conhecimento sobre:

  • Crimes cibernéticos: estuda o conceito de cibernética, bem como características, classificação, materialidade, local e autoria do crime, tipicidade (adequação penal) e cibercrimes em espécie. O profissional também aprende quais as leis aplicáveis.

  • Fundamentos: aprendizado sobre o que é a Ciência Forense e o Sistema de Justiça Criminal, os pressupostos da investigação criminal e o caráter inter e multidisciplinar da Ciência Forense.

  • Forense aplicada a crimes cibernéticos: conhecimento sobre Perícia Digital e os principais conceitos da Ciência Forense. O profissional aprende a detectar um incidente e coletar artefatos. Também adquire conhecimentos sobre a legislação pertinente, cadeia de custódia, procedimentos em uma investigação, análise de sistemas operacionais e em dispositivos móveis, teste de ferramentas e emissão de laudos.

O curso de especialização em Crimes Cibernéticos capacita o profissional para atuar na iniciativa pública ou privada, no combate aos crimes cibernéticos. Faça a diferença no mercado de trabalho! Acesse o site do curso e saiba mais.